"Meus textos são como o pão do Egito, a noite passa sobre eles e já não podes mais comê-los" (Rumi)

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

DAVOS e a minha "evolução intelectual"...


"Laissez aller votre pensée comme cet insecte 
qu'on láche en l'air avec un fil à la patte..."
Sócrates



Em 1971, quando começaram as reuniões dos milionários em Davos, (Conhecido por Fórum Econômico Mundial) eu lia sistematicamente a Mao Tsé Tung; dez ou doze anos depois, quando via aqueles senhores chegando no aeroporto de Genebra com suas respectivas balzaquianas, abria logo um dos volumes da obra completa de Bakunin. E agora quarenta e tantos anos do início daquele circo de cinismos não tenho outra coisa a fazer além de passar as madrugadas olhando da janela a turba em desespero, revisando o CID 10 e tentando entender como foi que a picaretagem dominou o mundo com tanta facilidade, sem ter que enfrentar praticamente nenhuma resistência...




Um comentário: