"Meus textos são como o pão do Egito, a noite passa sobre eles e já não podes mais comê-los" (Rumi)

sábado, 25 de fevereiro de 2012

A CARAVANA DOS ALEIJADOS... OU: 500 anos de solidão...








Lembram da Caravana dos Deficientes Físicos bolivianos que durante mais de três meses veio se "arrastando" desde a província de Trinidad até La Paz? Chegou ontem a seu destino e ao tentar entrar na Plaza Murillo foi recebida pela polícia sem grandes delicadezas. Reivindicam uma pensão de três mil Bolívares, contra a proposta do governo que é de mil. Os jornais da região dizem que a polícia foi dura, que usou gás, choques elétricos e até cachorros contra eles. Quem é que não fica com os cabelos em pé só em ouvir falar em polícia latino-americana? Alguns foram esbofeteados e presos, inclusive o guapeca de um cadeirante que, em defesa de seu dono se atracou com um policial. Impotentes, os homens tiraram a roupa em protesto e decretaram greve de fome. Sinceramente, alguém no mundo estaria minimamente preocupado com o estômago dessa gente? Gente que já nem se dá mais conta que está em greve de fome há mais de 500 anos! E quantas vezes esse ato já foi encenado em vão por outros atores!!! É quase inacreditável que a América Latina não avance... Prestem atenção e não é psicologismo: há um elemento sadomasoquista muito poderoso neste lado do continente. O acidente ferroviário da semana passada em Buenos Aires é a mais recente amostra dessa solidão e dessa desgraceira interminável. Como diria Vargas Vila, o mais lúcido de todos os escritores latino-americanos: "De minha pátria não sinto senão uma nostalgia: de suas montanhas virgens, suas selvas profundas, seus rios misteriosos, inviolados... É ali que eu queria viver e morrer, porque é ali a única parte livre de minha pátria. Livre? mentira. Ali também os missionários da religião levantaram a cruz sobre o alto das montanhas, e não há homem livre sob a sombra de um deus. (...) Pobres povos, que em marcha dentro da noite se detêm para amaldiçoar o sol ao qual deram miseravelmente as costas!!!"











Nenhum comentário:

Postar um comentário