"Meus textos são como o pão do Egito, a noite passa sobre eles e já não podes mais comê-los" (Rumi)

sábado, 27 de janeiro de 2018

Tradições ocultas dos ciganos...

"Se te livras - eu lhe dizia na última noite, a da partida -, se te livras e se passas de novo por Paris, deixa teu sinal no batente da porta de Notre-Dame, não importa quando, mesmo que seja daqui a vinte anos. Assim eu saberei que existes em algum lugar..." P. 92

Um comentário: