"Meus textos são como o pão do Egito, a noite passa sobre eles e já não podes mais comê-los" (Rumi)

sábado, 13 de agosto de 2016

No lugar da Extrema-unção. Ou: assim são as exéquias e os funerais de bandidos na Venezuela... (Quem é que não gostaria de ter uma despedida dessas?)

3 comentários:

  1. http://veja.abril.com.br/mundo/crise-venezuela-populacao-enterra-entes-caixoes-papelao/

    ResponderExcluir
  2. -Muito bom você, sábio por estar guardando.
    Forte abraço.
    Augusto.

    ResponderExcluir
  3. http://www.clarin.com/mundo/Miles-venezolanos-Colombia-reapertura-frontera_0_1631236959.html

    ResponderExcluir