"Meus textos são como o pão do Egito, a noite passa sobre eles e já não podes mais comê-los" (Rumi)

terça-feira, 8 de março de 2016

O lero-lero sobre o Dia internacional das mulheres...


Além do lero-lero político/partidário, nesta terça-feira, 08 de março, aqui na capital da república (eu disse república e não rês pública) não se fala em outra coisa que do Dia Internacional da mulher. Mesmo aqueles hipócritas que sempre que vão encontrar uma mulher levam um chicote na bolsa (seguindo o conselho de Nietzsche), não param de parabenizar qualquer rabo-de-saia que encontram pelo caminho...  
Os comerciantes se valem desse dia para seguir infantilizando-as e para tratá-las ainda mais como marionetes... E a pauta da mídia -prestem atenção - versa praticamente só sobre as tais "conquistas-sociais" feminis...  As mulheres isto, as mulheres aquilo... Sobre o que mais insistem é o fato das mulheres, na última década, terem ascendido vertiginosamente ao lugar de CHEFES DE FAMÍLIA. Ora! Mas que idiotice! Desde quando ser chefe de família significa alguma coisa? Desde quando ser chefe de família é diferente de ser chefe de gang?

5 comentários:

  1. Dia ótimo para reler Prostitutas, bruxas e donas de casa

    ResponderExcluir
  2. Quem é o autor desse livro

    ResponderExcluir
  3. http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/mundo/2016/03/08/interna_mundo,521119/mulher-mata-cisne-apos-agarra-lo-pela-asa-para-tirar-uma-selfie.shtml

    ResponderExcluir
  4. Rês pública porque sugam a teta do dinheiro público até secar
    Não tem como as infantilizar ainda mais
    Até o Putim nessa babaquice
    Dizem que o paganismo caiu porque os rituais eram complexos demais. Muita formalidade. Estamos no mesmo caminho, com tanta data, dia disso, dia daquilo...

    ResponderExcluir
  5. homem-nagem ao dia das mulheres em forma de link, olhem a que ponto elas chegam...lembrando que essas Youtubers chegam a faturar 50 mil por mês no Ad Sense falando merda...

    http://epoca.globo.com/vida/experiencias-digitais/noticia/2016/03/youtuber-brasileira-se-proclama-embaixadora-na-onu-que-rebate-informacao.html

    ResponderExcluir