"Meus textos são como o pão do Egito, a noite passa sobre eles e já não podes mais comê-los" (Rumi)

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

Sobre sexo e dinheiro ninguém diz a verdade...


"Vautrin, consultado sobre o que é preciso para vencer, responder-vos-ia: para vencer é necessário em primeiro lugar uma boa máscara. Depois, eloquência, desembaraço, prontidão e sangue frio. São esses todos os requisitos de um bom bandido..." 
Albino Forjaz de Sampaio, em Lisboa Trágica.

Especialistas em gênero de todas as idades e ideologias dedicaram este final de semana ensolarado e árido,  inteiramente ao velho e pernóstico Trump. Sim, ao bilionário republicano e candidato à Presidência dos EEUU, a ele que, referindo-se às mulheres, teria declarado que: “Quando você é famoso, elas deixam você fazer o que quiser. Pegar na b***** e fazer qualquer coisa”. O "b" e os 5 asteriscos são de responsabilidade da mídia e dos padres. (O The Washington Post, depois de fazer o sinal da cruz refere-se às palavras de Trump como: "comentários pejorativos!"). Vamos enviar-lhes Las malas palabras, do psicanalista argentino Ariel Arango. 
Aliás, esse puritanismo estúpido além de nos dar uma pista para suspeitar que a velha hiena não está lá muito enganada... nos remete imediatamente ao nosso entorno onde pululam políticos, jogadores de futebol, cantores, ladrões e outros novos ricos, alguns visivelmente debilóides todos cercados de princesas, de virgens imaculadas e de braços dados com beldades... Repetir que a hipocrisia é geral e que estamos todos, homens e mulheres, mesmo que secretamente, de acordo com a antropologia de Trump, é inútil. Fiz uma pesquisa telepática com as 200 ou 300 pessoas que conheço, homens, mulheres e híbridos e o resultado foi o seguinte: Concordam secretamente com o Trump: Homens: 98%; mulheres 99%, híbridos 17%. Feministas & professores de gênero: 0%. 
Muitos eleitores depositaram na urna fictícia uns bilhetinhos quase infantis pedindo sigilo absoluto e lembrando que no mundo animal também é assim..! É sempre o mais forte, o mais hábil, o que tem cheiros mais sofisticados, o mais bem sucedido que leva o prêmio!!! Dizia. 
Outros lembraram da Monica e dos charutos do Clinton; da Jaqueline Kennedy e dos poços de petróleo do Onassis; das noitadas do Berlusconi e das surubas do Kadafi com as rainhas do deserto... 
Sem falar do genial Nicollò Paganini (aquele que compôs uma música às feiticeiras) que, apesar de ser tuberculoso e esquisito como o diabo, "traçou" até duas irmãs de Napoleão, ancorado apenas no violino e na grana... 
Teve até um votante que, lembrando que nos EEUU a religião e o moralismo predominante é o luterano, resgatou o fato de que Lutero, o charlatão Lutero, passou praticamente a vida inteira acreditando que o diabo dormia todas as noites entre ele e sua mulher... (E não precisa nem ter lido Freud para saber o que essa fantasia significa...)

5 comentários:

  1. http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/mundo/2016/10/10/interna_mundo,552525/donald-trump-recebe-criticas-por-ameaca-de-enviar-hillary-a-prisao.shtml

    ResponderExcluir
  2. http://veja.abril.com.br/blog/mundialista/obscenidades-de-campanha-ate-a-blusa-de-melania-trump-entra-na-guerra-suja/

    ResponderExcluir
  3. http://www.clarin.com/mundo/frase-Trump-costara-cara_0_1666033419.html

    ResponderExcluir
  4. http://brasil.elpais.com/brasil/2016/10/10/internacional/1476070918_336837.html

    ResponderExcluir
  5. http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/mundo/2016/10/10/interna_mundo,552674/para-eleitores-mais-entusiasmados-trump-conteve-hemorragia.shtml

    ResponderExcluir