"Meus textos são como o pão do Egito, a noite passa sobre eles e já não podes mais comê-los" (Rumi)

terça-feira, 5 de julho de 2016

Enquanto isso, no aeroporto do Rio de Janeiro: Bem-vindos ao inferno!



Um comentário:

  1. http://veja.abril.com.br/complemento/brasil/o-que-acontece-durante-48-horas-no-rio-de-janeiro/

    ResponderExcluir