"Meus textos são como o pão do Egito, a noite passa sobre eles e já não podes mais comê-los" (Rumi)

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Mais um lance da miséria humana...

Um homem de origem latino-americana que interceptou ligações telefônicas de sua mulher com outros homens, a obriga a andar nua (só de botas), pelas ruas de Nova York, enquanto a filma e a vai chamando, entre outras coisas, de maldita perra. E o pior: ela se rende a essa violência com a submissão de uma criança...
Fato bizarro que anuncia novamente que a solidão e as misérias de nossa espécie não têm limites...
O video pode ser visto abaixo, até que o Big Brother o permita.


Nenhum comentário:

Postar um comentário