"Meus textos são como o pão do Egito, a noite passa sobre eles e já não podes mais comê-los" (Rumi)

quarta-feira, 6 de maio de 2015

As novidades transcendentes que nos chegam da China... (Enviado de Shangai pelo correspondente W.L.T)



As autoridades chinesas pretendem acabar com um antigo costume naquele país, que é o das performances de strippers em funerais.

Parece bizarro, mas pode significar o último e verdadeiro presente para um defunto. A justificativa e a ideia manifesta desse costume é atrair mais público para o funeral, já que uma multidão marchando atrás do esquife até o cemitério da honra & status para o morto e, principalmente, para sua família. 
Já, como efeito secundário, transforma o risível vale de lágrimas que normalmente é um funeral, num vale obsceno e libidinoso... além de dar ao morto a chance de partir desta para o nada com a ilusão de uma ereção ou, pelo menos, de uma meia-bomba...

Nenhum comentário:

Postar um comentário