"Meus textos são como o pão do Egito, a noite passa sobre eles e já não podes mais comê-los" (Rumi)

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

O horror e as bizarrices da senectude...





Comum é ver os pais naquele sermão com os filhos após pegá-los com droga na delegacia. A noite desta quarta-feira (7) foi pitoresca e a cena se inverteu assim que os filhos de três homens de 55, 60 e 68 anos, que  foram detidos com cocaína e maconha no Centro de Curitiba, chegaram ao 8º Distrito Policial. Após darem ‘uma dura’ nos pais entre assinaturas de Termo Circunstanciado (TC), os filhos os levaram para casa.
A Polícia Militar (PM) abordou os três homens na rua Cruz Machado, dentro de um veículo que estava estacionado em uma vaga de idosos, por volta das 18 horas. Os ‘vovôs’ usavam drogas dentro do carro e, assim que os policiais iniciaram a abordagem, um deles chegou a engolir uma das buchas de cocaína que eles consumiam. Com eles, a polícia apreendeu sete gramas de cocaína e mais dois de maconha.
A família foi avisada e já estava a espera dos três no Centro Integrado de Atendimento ao Cidadão (Ciac-Sul). O carro que os homens utilizavam era de um dos filhos, que fez questão de começar o sermão. “Chama a atenção essa situação porque são três homens mais velhos, um deles usando terno e gravata. Eles estavam estacionados na vaga de idoso, com cartão preferencial, e um carro totalmente regular. A filha de um deles disse que o pai estava se comportando feito um ‘piá’, fumando maconha no Centro. Não estamos acostumados a ver senhores nessas situação, mais adolescentes mesmo”, explica o tenente Rocha.
Ainda, segundo o tenente, dois deles já constavam com passagens pela polícia por posse de drogas, porte de arma de fogo e também por embriaguez ao volante. Os três foram levamos ao Centro Integrado de Atendimento ao Cidadão, no Centro de Curitiba, para assinar termo circunstanciado e depois liberados.

______________________________________________________

[ Une nuit, sur les remparts d'une ville, un vieil homme se promène
avec une jeune élève. Autour d'eux, la campagne et plus loin le désert. Au-dessus d'eux, le ciel étoilé. Le jeune élève dit:
- Quel silence...
Le vieil homme le corrige:
- Ne dis pas - "Quel silence".
Dis: "Je n'entends rien..."]  Do livro: Paroles persanes. (Albin Michel)

3 comentários:

  1. Será que cortaram a mesada deles?

    ResponderExcluir
  2. os filhos tem mais juizo que os pais em alguns casos. mUito comum isso. sao crianças indigo kkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  3. https://www.youtube.com/watch?feature=player_detailpage&v=anAYwLwVG3U
    Vídeo criado por Ernest Cline (www.ernestcline.com) - Uma abordagem divertida trazendo a realidade do pensamento humano - Versão narrada em português (Brasil

    ResponderExcluir