"Meus textos são como o pão do Egito, a noite passa sobre eles e já não podes mais comê-los" (Rumi)

terça-feira, 11 de março de 2014

De Kuala Lumpur para...

Os ufólogos estão de plantão, ansiosos e passando por horas de extrema excitação com o desaparecimento do avião que partiu de Kuala Lumpur para Beijing e sumiu do mapa. 
Quatro dias desaparecido! Teria sido abduzido por alienígenas e por seus super discos voadores? Se perguntam, mas quase em sigilo para evitar o ridículo, caso os destroços apareçam de uma hora para outra. Essa seria a prova que tanto precisam para, finalmente, demonstrar a hipótese dos ovnis e a tese de que "não estamos sós" nesta louca e estúpida enrascada. 
Algum fenômeno físico-magnético, ou algo extrafísico e sobrenatural? Todos associam e relacionam esse incidente com o famoso Voo 19, daquele avião que, lá pelos anos 40, desapareceu na região do Triângulo das Bermudas ou, Triângulo do Diabo e nunca mais foi localizado... Essas elucubrações teriam algum fundamento?
Ou simplesmente teria caído de bico entre a Malásia e o Vietnã e está lá, intacto, no fundo do oceano
A não ser que algum delirante o tenha desviado para o deserto afegão? 
Sempre que estou voando me permito todas essas fantasias masoquistas para tentar ter pelo menos uma ideia, uma vaga ideia do desespero e do horror dos quatro ou cinco minutos que antecedem o baque...

2 comentários:

  1. Concordo com a babaquice das elucubrações; agora, descobri mais um sobrenome para você Ezio! Ezio Flavio Sinistro Bazzo. hahahahaha

    ResponderExcluir
  2. Enquanto isso , no Brasil da Copa, Romário bota pra foder chamando de filha da puta pros ratos da Copa:

    http://diariocatarinense.clicrbs.com.br/sc/esportes/noticia/2014/03/em-programa-de-televisao-romario-xinga-membros-da-cbf-e-da-fifa-4443870.html

    ResponderExcluir