"Meus textos são como o pão do Egito, a noite passa sobre eles e já não podes mais comê-los" (Rumi)

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Paradoxos da pocilga...

Você aí que ganha um salário mínimo ou um pouco mais, que já vendeu sangue, suor, sono, dignidade, os filhos, sexo, a saúde, cabelos, liberdade, córneas e até a alma para manter-se vivo neste pandemônio de bestas e de loucos, sabe quanto uma empresa de TV acaba de oferecer para que uma de suas cômicas senhoritas permaneça naquela rede? R$: 500 mil por mês! Quinhentos mil! Você que ganha R$: 600 reais, igual a R$: 7 mil e duzentos por ano,  precisaria trabalhar em sua escravidão quase oitenta anos para faturar o que a simpática mocinha ganha por mês. Que tal? Isto não lhe deixa feliz às vésperas do Natal? Não lhe dá ânimo para levantar mais cedo e ir bestificado e em jejum, como um guapeca, para sua escravidão, nobre cidadão? 
E ela não é a única. Praticamente todos esses personagens que estão diariamente no ar lhe intoxicando com idiotices e lhe injetando fezes nas veias e no esôfago tem salários parecidos.., daí para maior. 
Que tal!? É a lei da livre concorrência? São os cânones do livre mercado!? As consequencias da meritocracia? 
Não! São os resultados da putaria social e os paradoxos da pocilga...

6 comentários:

  1. Muito bom o post! Trabalhei de servente de pedreiro pra poder pagar uma faculdade (vi colegas cavando buracos e sendo soterrados em acidentes), depois gastei tempo e dinheiro pra passar num concurso público, passei e fui trabalhar aturando idiotas ganhando o dobro do que eu ganhava e que entraram pela janela porque eram apadrinhados políticos, fiz pós e continuei ganhando uma merreca. Me aposentei com uma miséria que tenho vergonha de falar o valor. Tive que voltar a trabalhar fazendo bicos porque a aposentadoria a metade vai para os remédios pois se eu depender do postinho de saúde estou morto. Enquanto isso essa retardada mental que você citou ganha num mês o que eu não consegui ganhar durante a vida toda. Me deixa eu gritar aqui, ESTE PAÍS É UMA BELA MERDA!

    ResponderExcluir
  2. Aí! realmente é nojento! Agora, quem paga o salário desses idiotas não é a empresa...é você!!! seu imbecil que vê televisão...Que a carapuça sirva nas cabeças putrefatas!!!

    ResponderExcluir
  3. eu não vejo esta porra de tv e nem este programa, de vez em quando no buteco da esquina a tv ta ligada passando essa merda do penico na tv e eu dou uma espiadinha, mas que dá nojo dá, uma buceta burra dessas ganhando uma fortuna. Pra que estudei? Era melhor eu ter criado galinha numa sitioca.De vez em quando vejo este video no Youtube, o Morre Diabo é que tá certo, tem que matar é tudo kkkkkkkkkkkkkk
    http://www.youtube.com/watch?v=EkYDKHv53N0

    ResponderExcluir
  4. Sinceramente é por isso ue não vejo tv nem fudendo, a maioria são uns babacas de pouco talento fazendo merda e não passando nada que preste aos telespectadores, como diziam alguns antigos a tv é coisa do cão.

    ResponderExcluir