"Meus textos são como o pão do Egito, a noite passa sobre eles e já não podes mais comê-los" (Rumi)

sábado, 27 de julho de 2013

Enquanto isso, na metrópole do Zé Carioca...


2 comentários:

  1. Putz, suponho que cá estamos, aguardando (ainda) a "transvaloração de todos os valores", para ver rompido o molde patológico ao qual estamos engessados.

    Será?

    Nem falar viu....a esperança é insistente!

    ResponderExcluir
  2. A propósito, 'Quando você menos espera ela chega'

    http://www.youtube.com/watch?v=mURPzuVDPGM

    ResponderExcluir