"Meus textos são como o pão do Egito, a noite passa sobre eles e já não podes mais comê-los" (Rumi)

segunda-feira, 11 de abril de 2011

PÓVERA GENTE!!! OU "Meu pai tendo me concebido (absolutamente cego), não posso arrancar-me os olhos como Édipo" (Georges Bataille)

Um comentário:

  1. Algum frequentador desse honorável blog ou mesmo o dono do mesmo, se bão for incômodo, poderia indicar uma leitura sobre o charlatanismo das ditas psicografias no espiritismo? Como explicá-las? Projeção da consciencia? Desculpe se incomodo...

    ResponderExcluir